Dicas

31
jan
cinto de seguranca principais modelos e aplicacoes

Cinto de Segurança: Principais Modelos e Aplicações

O cinto de segurança é um dos equipamentos fundamentais para quem trabalha em altura ou em casos de profundidade. Além de garantir proteção do profissional, é ele quem possibilita maior produtividade da função além de conforto. Já que os colaboradores se sentem mais seguros para executar as tarefas. Mas é preciso saber exatamente qual é o tipo ideal de cinto de segurança para cada atividades, e é isto que veremos agora!

Conheça os tipos de cinto de segurança e suas funções

Não se engane ao imaginar que usando qualquer tipo de cinto de segurança você estará livre de riscos no trabalho. As atividades executados nas alturas são diferentes umas das outras e por isso, necessitam de proteção específica.

Quando imaginamos trabalhos desenvolvidos no alto, pensamos na tarefa de limpeza de janelas, pinturas e manutenções de fachada, certo? Mas o cinto de segurança também é essencial para atividades com plataformas, escadas e andaimes ou mesmo em casos de execuções em poços e escavações.

Eles são usados em atividades de paisagismo, engenharia civil, manutenção de fachadas, fiscalização e vistoria do estado de fios, instalações de diversos ramos entre outros.

Existem muitos modelos de cinco de segurança, cada um focado em proteções, ambientes e condições diferentes. Seus materiais também mudam, podemos ser de poliéster e náilon. Veja os principais tipos abaixo:

  • Cinto com ponto de conexão lateral;
  • Cinto para trabalho a quente;
  • Meia argola na região do umbigo;
  • Dupla de argolas no peito;
  • Cinto para espaços confinados com alças nos ombros;
  • Dupla de alças nos ombros;
  • Cinto com acesso a cordas.

Em resumo, entenda o modelo adequado em relação a cada atividade a seguir:

  • Peito e dorso: cinto de segurança destinados a atividades de deslocamento e que envolvam prevenção e parada de quedas.
  • Cinto com fixação na lateral, dorso, abdômen e peitoral: atividades suspensas por longo período.
  • Cinto com fixação dorsal: protege e previne contra quedas.

Importância e funcionamento

A Norma Regulamentadora 35 e 36 se encarregam de estabelecer os critérios e requisitos mínimos para trabalhos em alturas. Isso envolve atividades de execução de tarefas, organização e planejamento, direta ou indiretamente.

Mas a partir de qual medida consideramos trabalhos na altura? Simples, considera-se que toda atividade acima de 2,00m do nível inferior já é considerado altura. Portanto, cabe ao empregador assegurar e adotar o uso do cinto de segurança.

O uso deste EPI funciona sendo fixado em um ponto firme e seguro, distribuindo sua força de sustentação sob todo o corpo do trabalhador, garantindo a segurança do profissional durante a execução das tarefas.

Qual cinto de segurança escolher

Como já vimos anteriormente, tudo dependerá do tipo de atividade a ser realizada. Para isso, o empregador é o responsável por identificar e fornecer de forma gratuita os produtos específicos.

É ele também — seja uma pessoa ou equipe — que desenvolve os procedimentos operacionais, supervisiona as atividades, verifica e assegura os profissionais em condição de risco, entre outras coisas. Enquanto o empregado tem por dever, cuidar e conservar seu EPI enquanto estiver em uso.

Ao empregador, também fica a função de adquirir o equipamento com fabricantes autorizados e que estejam em conformidade com as normas legais. Um bom equipamento garante durabilidade, segurança e evita multas trabalhistas e acidentes ocupacionais.

Está precisando de equipamentos de proteção individual? Somos MixSeg, especialistas neste assunto. Acesse nosso site e escolha os equipamentos de sua equipe com quem é referência no mercado.

Leia também



O que é Linha Viva

Últimos posts

25
ago

Camisa para empresa: conquiste seus colaboradores com essas peças

A frase “vestir a camisa da empresa” não precisa ser apenas um ditado. Esse termo é normalmente associado com o engajamento dos funcionários junto à empresa. No entanto, o ato de, literalmente, utilizar camisas corporativas também pode ser muito positivo não apenas para a organização como também para os colaboradores. Nesse artigo, apresentaremos as vantagens […]

Continuar lendo

19
ago

Conjunto Risco 2 NR 10: essencial para serviços elétricos

Manter a segurança em trabalhos elétricos é fundamental para garantir não apenas que acidentes sejam evitados como também que as atividades continuem com toda sua produtividade. Por isso, além de todos os EPIs como capacetes e luvas, o Conjunto Risco 2 NR 10 também é essencial para os trabalhadores desse segmento. Nesse artigo, apresentamos sua […]

Continuar lendo

24
jul

Conheça os principais EPI para jardineiro e proteja-se

A proteção na execução do serviço é essencial para muitos profissionais, incluindo os jardineiros. Trabalhando com cortes, máquinas afiadas, produtos tóxicos e ficando muitas vezes em risco, os equipamentos de proteção são muito importantes para evitar acidentes e preservar a saúde e segurança desses trabalhadores. Nesse artigo, apresentaremos os principais EPI para jardineiro para que […]

Continuar lendo

17
jul

Uniforme para escritório: diversas vantagens para as empresas

Muitas empresas optam por solicitar aos seus colaboradores o uso do uniforme para escritório. Essas peças, que podem surgir em diversos modelos, trazem vantagens não apenas para a própria empresa como também para os funcionários! Nesse artigo, revelamos a importância do uso dos uniformes profissionais e também quais os principais tipos para que você conte […]

Continuar lendo

17
jun

Saiba a importância dos EPIs hospitalares e quais são obrigatórios

Pacientes e pessoas comuns podem não perceber os riscos que envolvem um ambiente hospitalar, porém médicos, enfermeiros e outros profissionais que estão constantemente nesse local sabem a importância dos equipamentos de proteção. Eles servem para proteger os trabalhadores de vírus, bactérias, produtos químicos, fluidos corporais e muito mais. Nesse artigo, confira a importância dos EPIs […]

Continuar lendo

10
jun

Tipos de avental: conheça cada um deles e escolha o ideal

Um EPI muito utilizado por profissionais da área da saúde, gastronomia e até mesmo das indústrias é o avental. Eles são fundamentais para evitar acidentes como queimaduras e outros riscos que muitos trabalhadores se submetem na execução de suas atividades. Feitos em diversos materiais, existem diferentes tipos de avental para cada necessidade. Nesse artigo, apresentaremos […]

Continuar lendo

13
maio

EPI e EPC para eletricista essenciais em qualquer atividade

Existem alguns acidentes que podem acometer qualquer tipo de profissional, especialmente aquele que não utiliza os equipamentos, ferramentas e procedimentos adequados. No entanto, os eletricistas estão no grupo com maior risco e, portanto, devem sempre estar equipados com EPIs e EPCs adequadas para reduzir as chances de que esses acidentes aconteçam. Nesse artigo, apresentamos os […]

Continuar lendo

20
maio

EPIs usados em padaria fundamentais para os trabalhadores

O consumo diário de pães é um hábito para muitas pessoas. Segundo estudo feito pela ABIP (Associação Brasileira de Indústrias de Panificação e Confeitaria), existiam mais 70 mil padarias em todo o país em 2018. Hoje, esse número já é muito maior e é necessário garantir que todos os funcionários desses estabelecimentos possuam sua saúde […]

Continuar lendo